Twitter

Bah, Figueira foi tri legal!

Por | 13 DE outubro DE 2011 - 13:16

Antes…
…o recado da redação: Este texto é uma colaboração de um torcedor e leitor do INfoesporte para este espaço também dedicado à interação com o nosso público. Portanto, o conteúdo nele contido não necessariamente reflete a opinião oficial e não é de responsabilidade deste veículo de comunicação.
Sem Maicon, o Figueirense foi até o estádio Olímpico em Porto Alegre com mais de 20 mil torcedores para enfrentar o Grêmio, de Marquinhos, Mário Fernandes e cia. Desfalcado? Quem disse que o Furacão alvinegro sentiu as ausências de Maicon, Bruno e Júlio César? Os “reservas” Coutinho, Pablo e Aloísio mandaram muito bem, e quem sabe o treinador Jorginho não concede um descanso para os “titulares” absolutos das referidas posições no próximo jogo diante do lanterna América-MG?

Vamos ao jogo. No início da partida a defesa alvinegra conseguiu segurar a pressão gremista. O goleiro Wilson trabalhou bastante e na eficiência dos contra-ataques, o mais querido de Santa Catarina marcou o seu primeiro gol em jogada do elétrico Wellington Nem – Aloísio apareceu e chutou forte, sem chances para o goleiro Victor, ex-seleção brasileira. Diferente do último jogo diante do Ceará, quando o lateral-esquerdo Juninho apoiou bastante, desta vez o ala estava marcando mais. E no segundo gol do Figueirense, Juninho lançou o meia Elias, que de frente para o gol bateu de pé-esquerdo anotando o segundo do alvinegro na partida.

Na segunda etapa o Figueira voltou tocando bem a bola, mas foi o tricolor gaúcho que levava mais perigo. A zaga bem postada, conseguia com êxito desarmar os ataques Gremistas. O goleiro Wilson também passou muita tranqüilidade, sempre atento e realizando boas defesas. Exceto aos 23 minutos, quando o Grêmio marcou com o zagueiro Edcarlos, indefensável. Mas o Furacão Catarinense queria mais, faltava entortar um pentacampeão mundial, e Wellington Nem conseguiu. Entortou Gilberto Silva, na seqüência, driblou e deixou caído o goleiro Victor, e assim nasceu o terceiro gol do Furacão, um golaço.

Parabéns ao técnico Jorginho, armou muito bem a sua equipe, e mais uma vez nesta Série A, venceu fora de casa uma grande equipe do futebol brasileiro. Agora são oito jogos sem derrotas, 41 pontos conquistados em 29 jogos disputados. Ficam faltando nove partidas para o término do campeonato, e 4 pontinhos para a Série A 2012.

Ainda é cedo, mas, parabéns Figueirense!

Este texto foi enviado pelo torcedor e blogueiro Israel Córdova. Você pode conferir outras postagens em seu blog, o Blog do Israel.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado Required fields are marked *

Você pode usar tags HTML e seu atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>