"Real Madrid, Barcelona, eu vou atrás disso"

Hoje na França, zagueiro que participou do acesso em 2014 quer seguir carreira na Europa, mas não descarta volta ao Leão!

Por INfoesporte

03/03/2016 - 14h41

Compartilhe:

Tamanho da letra: A- | A+

Hoje na França, Pablo participou da campanha do acesso à Série A, em 2014. Foto: Jamira Furlani/Avaí F.C.

Pablo, 24 anos, está realizando um sonho de criança. Jogar na Europa. Zagueiro do Bordeaux, da França, ele sonha com voos ainda mais altos. "Real Madrid, Barcelona". Porém, não esquece quem tanto o ajudou. "Seria um prazer voltar a vestir a camisa do Avaí!". Confira o bate papo exclusivo do INfoesporte com o zagueiro que ajudou o Leão a chegar à elite do futebol brasileiro em 2014.

 

Início de carreira

Os primeiros anos de carreira de Pablo foram de poucos minutos jogados. Em 2010, No Ceará, ele não teve muitas oportunidades no time principal e foi emprestado. Chegou a ir para a Holanda, para o PSV Eindhoven. Ficou pouco tempo, não disputou uma partida oficial, e voltou ao Brasil. Em 2012 ele foi para o Grêmio. Também teve poucas chances e quase não jogou. Dois anos perdidos? Não. Dois anos de aprendizado.

"Eu não estava preparado. Eu era um jogador muito inexperiente. Não conhecia o meu corpo, o que eu precisava comer pra ter um bom rendimento em campo e manter uma boa sequência de jogos, sem lesão".

 

Gratidão ao Avaí

Em 2013, Pablo deixou o Grêmio e fechou com o Avaí. Aquele também não foi um bom ano pra ele. As lesões atrapalharam e ele fez apenas 10 jogos. Viu o time que tinha tudo pra subir pra Série A, deixar a vaga escapar nas rodadas finais. Em 2014, o jogo virou. Pablo foi titular durante praticamente toda a temporada e teve o melhor ano de sua carreira, até então.

"Eu só tenho a agradecer por tudo o que o Avaí me proporcionou. Depois de tudo o que eu passei em 2013, o Avaí confiou em mim. O ano de 2014 foi o ano que me deu mais possibilidades de crescer profissionalmente".

 

Acesso em 2014

Se em 2013 tudo deu errado e o Avaí deixou escapar o acesso à Série A do Brasileiro, no ano seguinte tudo deu muito certo e o Leão subiu. Depois de uma arrancada incrível no meio do campeonato, o Avaí emplacou uma sequência negativa e chegou à última rodada precisando vencer o Vasco, e ainda contar com duas combinações de resultado. Praticamente um milagre aconteceu naquele dia 29 de novembro. O Avaí fez 1 a 0 no time carioca, e os resultados dos outros times foram exatamente aqueles que o Leão precisava pra chegar à elite do futebol brasileiro.

"A gente já tinha certa pressão pra subir, por conta do que aconteceu em 2013. Foi complicada aquela sequência ruim no final do campeonato. Nós sofremos um baque, sentimos a pressão, mas nunca deixamos de acreditar. A gente sempre teve muito foco no que precisava fazer. Foi difícil, mas foi muito, muito especial. Não só pra mim, mas pra todo aquele grupo. Foi marcante".

 

Europa

Em 2015 uma proposta da Ponte Preta tirou Pablo da Ressacada. Titular da Macaca, Pablo se destacou no Campeonato Paulista e no início do Brasileirão. Foi o suficiente para o Bordeaux, da França, pagar 24 milhões de reais por ele, e levá-lo para o Velho Continente. Era um sonho que, aos 24 anos, se realizava na vida de Pablo. Contente pela chance que teve, ele quer ainda mais. Quer construir uma carreira de sucesso na Europa.

"Meu objetivo é estar entre os melhores. Os melhores, no meu ponto de vista, estão no Real Madrid, Barcelona, e eu vou atrás disso! Eu trabalho e me esforço pra isso, pra ser reconhecido".

 

Volta ao Avaí?

Pablo deixou claro durante a entrevista que o objetivo dele é permanecer na Europa. O contrato com o Bordeaux, da França, vai até 2019, e ele não pretende voltar ao Brasil após o fim do contrato, quando terá 28 anos. Porém, quando questionado sobre uma volta ao Avaí, ele admite a possibilidade.

"Eu tenho um carinho enorme pelo Avaí. Graças ao Avaí eu cheguei onde estou. Como eu disse, não pretendo deixar a Europa tão cedo, mas quando voltar ao Brasil teria o maior prazer de vestir a camisa do Leão novamente".

PUBLICIDADE

Compartilhe:

0 Comentários para:

"Real Madrid, Barcelona, eu vou atrás disso"

Comentários

  • Nenhum Comentário

Comentar









INFOESPORTE - © Copyright 2011 - Todos os direitos reservados