Argel Fucks supera críticas para completar um ano no Figueirense

Questionado em sua chegada, treinador espera ficar mais dois anos

Por INfoesporte

24/07/2015 - 17h08

Compartilhe:

Tamanho da letra: A- | A+

da história recente do Figueirense. O treinador completa nesta sexta-feira um ano no comando do time, marcando seu nome em uma grande arrancada na Série A de 2014 e no título estadual de 2015. Mas antes de conquistar o respeito da torcida Argel precisou acabar com a imagem que havia deixado em 2012, quando foi demitido com apenas uma vitória em dez jogos.

Ao chegar ao Figueirense para substituir Guto Ferreira, o treinador não tinha sequer seu nome cogitado entre os torcedores. A contratação foi criticada por muitos, e sua amizade com o presidente Wilfredo Brillinger foi motivo de questionamentos. Doze meses depois, são poucos os que ainda questionam o trabalho do treinador.

- É uma marca importante, uma continuidade. Existe um profissionalismo grande, mas também existe resultado. Estou feliz e fazendo um bom trabalho. Agora é dar continuidade. A minha intenção é permanecer no mínimo mais dois anos no clube para firmar de vez esse trabalho - afirmou o treinador em coletiva de imprensa nesta sexta-feira.

(Fotos: Luiz Henrique/ FFC - Montagem: INfoesporte)

Argel assumiu uma equipe apontada como favorita ao rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Com o espírito de guerrear a cada jogo, o comandante levou seus "onze soldadinhos" para uma batalha que terminou em permanência na elite. E contrariando seu retrospecto em outros clubes, Argel permaneceu para a temporada seguinte.

- Eu sou uma pessoa que vive muito intensamente o momento. Não me preocupo com o futuro, quero sempre dar o melhor no presente. Procurei dar o melhor nesse meu ano no clube, com respaldo muito grande dos jogadores. A parcela de culpa por eu estar aqui há um ano é dos jogadores.

De contrato renovado no início da temporada, levou o time alvinegro para a final do Campeonato Catarinense. E mesmo cobiçado por Santos, Grêmio e Fluminense, decretou: queria permanecer para novos desafios.

- O desafio agora é ficar na Série A, chegar na final da Copa do Brasil. O mais importante e continuar fazendo o trabalho. É uma marca importante, devido a pressão que tem em cima dos treinadores no futebol brasileiro. E aqui não é diferente. Não fiz mais do que minha obrigação. Conseguimos criar uma identidade com o torcedor. 

PUBLICIDADE

Compartilhe:

0 Comentários para:

Argel Fucks supera críticas para completar um ano no Figueirense

Comentários

  • Nenhum Comentário

Comentar









INFOESPORTE - © Copyright 2011 - Todos os direitos reservados