Connect with us

Copa do Brasil

2 a 0: Flu supera Bragantino em eficiência e abre caminho para vaga nas oitavas

Published

on

Após conquistarem boas classificações nas competições sul-americanas (aqui e aqui), Fluminense e Bragantino começaram, nesta quarta-feira, a medir forças no confronto da 3ª Fase da Copa do Brasil. E, no Maracanã, deu Fluminense largando na frente.

Com gols de Fred e Abel Hernández, ambos na segunda etapa, o Flu mostrou a eficiência necessária para construir a boa vantagem para o jogo de volta, que será realizado no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista na próxima quarta-feira. O Bragantino, sem Claudinho, não conseguiu jogar bem e assistiu ao adversário converter o domínio em resultado.

Leia mais:

Crônica do jogo:

A partida começou equilibrada, com chances de ataque aparecendo para os dois lados. Embalado, o Bragantino começou frequentando mais o campo do adversário, numa postura de quem tentaria controlar as ações do jogo.

O Fluminense pecava nas trocas de passes que, se bem executadas, poderiam ser convertidas em boas chances de ataque. O Braga sabia oferecer futebol bem organizado, o que seria opção interessante até mesmo para o contragolpe.

Então, a partir dos 20 minutos, o Tricolor tomou as rédeas da partida, como de se esperar jogando no Maracanã, e se aproximou do primeiro gol. A pressão se intensificava, a primeiras chances começavam a se manifestar, sobretudo quando Nenê participava.

Mas a melhor e mais bonita jogada da partida até então veio dos pés de Lucas Evangelista, aos 33’, ao chapelar o zagueiro adversário e chutar à direita do gol de Marcos Felipe, quase abrindo o placar para o Bragantino.

O setor de ataque das duas equipes tentava, mas as defesas eram seguras e organizadas, neutralizando a grande maioria das investidas de ataque. A impressão que ficava neste primeiro tempo era de jogo definido no detalhe.

Na segunda etapa, o time de Bragança Paulista era tranquilo, mostrando que o empate seria um bom resultado para levar para a partida de volta, em sua casa. Quando buscava o ataque, no entanto, claramente sentia a falta de seu craque Claudinho na criação.

Já o Flu era menos organizado, mas, insatisfeito com o placar fechado, era mais incisivo e tinha vigor para acionar a linha de frente. Aos poucos, ia chegando mais perto da abertura do placar.

E assim foi. Aos 61’, sucessivamente após chamar o Braga para seu campo, o Flu arrumou um contra-ataque, o levou na medida e, após tabela com Gabriel, o artilheiro Fred recebeu em ótima condição dentro da área a mostrou oportunismo para bater forte e rasteiro, vencendo Júlio César e tirando o incômodo zero do placar.

O jeito da partida sofreu a alteração que o Flu desejava: o Bragantino mais incomodado, enquanto ele, Tricolor, tentando se aproveitar dos erros do adversário para ampliar. E foi exatamente o que não demorou a acontecer: aos 70’, o time carioca aproveitou o erro na saída de bola dos paulistas e ampliou com o uruguaio Abel Hernández.   

Assim, aqueles papeis iniciais foram invertidos. Era o Fluminense com a posse da bola e controlando o jogo, sem deixar, contudo, de dar pontadas no ataque. Já o Bragantino, que encontrava dificuldades em agredir o adversário mesmo em seus melhores momentos no jogo, sofreu em tentar diminuir a desvantagem. Nas raras oportunidades em que acertava o alvo, parava em Marcos Felipe.

E neste passo a partida caminhou para seu final.

Pós-jogo:

O Fluminense soube aproveitar as falhas do organizado sistema de jogo do Bragantino e construiu sua importante vitória. Após um primeiro tempo discreto, o Tricolor partiu para a conquista do resultado na etapa complementar, e foi premiada com a eficiência de seus centroavantes para aproveitar as duas chances mais claras de toda a partida, primeiro com Fred, depois com Abel Hernández.

O Bragantino sentiu a falta de seu principal destaque Claudinho, que está com a Seleção Brasileira Olímpica. Sem o poderio individual de um dos principais jogadores do último Campeonato Brasileiro, o time do interior paulista perdeu o brilho criativo e a variação ofensiva, não chegando a gerar grande incômodo ao goleiro Marcos Felipe, que, por sua vez, quando exigido, justificava a longa sequência de titularidade na meta tricolor.

Definições:

A boa margem dá ao Fluminense o direito de até perder por um gol de diferença, na próxima quarta-feira, em Bragança Paulista, para prosseguir às oitavas-de-final da Copa do Brasil.

Para o Braga, a missão é igualar os dois gols de vantagem, para levar para as penalidades, ou bater o adversário por três ou mais gols de diferença, para vencer no tempo normal. Não há o gol qualificado.

Antes do duelo de volta, as equipes jogam no fim de semana pelo Brasileirão. O Bragantino, no sábado, recebe o Bahia, enquanto o Flu, também em casa, enfrenta o Cuiabá.

Athletico

Flamengo 0x3 Athletico-PR: confira o pós-jogo da partida pela Copa do Brasil

Na disputa por uma vaga na decisão nacional, Furacão faz partida perfeita no Maracanã e goleia o Flamengo

Published

on

É isso mesmo: o Athletico-PR foi ao Maracanã, nesta quarta-feira, e goleou o Flamengo para garantir a vaga na final da Copa do Brasil. Após o empate por 2 a 2 na partida de ida, em Curitiba, na quarta anterior, o time paranaense jogou bem, mostrou muita personalidade, aproveitou os erros adversários e passou por cima do Fla. O Furacão encara na grande decisão o Atlético-MG, em duas partidas.

Crônica do jogo:

O jogo dava indícios desde o início do que seria decisivo para sua construção. O Flamengo era todo ataque, mas sempre pecava na exposição aos contra-ataques. E o Athletico, muito organizado, mostrava que estava disposto a aproveitá-los.

Assim, logo aos 7′, o VAR foi acionado para decidir um possível pênalti, oriundo de uma das jogadas de contra-ataque a favor do time paranaense. Com auxílio do vídeo, o árbitro indicou que existiu a infração de Filipe Luís em cima de Renato Kayzer. Nikão foi para a cobrança e marcou para o Furacão, aumentando a pressão para o lado flamenguista.

Acumulando atuações questionáveis e problemas extracampo, o Mengo teria de reunir forças para reagir na partida e buscar a classificação. As triangulações, no entanto, careciam de maior criatividade para burlar o ajeitado sistema do rubro-negro paranaense. E quando o rubro-negro carioca progredia, parava em Santos, que mostrava estar numa noite inspirada no Maraca.

As chances continuavam, mas não escondiam a desorganização flamenguista em todas as áreas do campo, desde a construção que não mostrava a coordenação de outros momentos, até a má postura defensiva, que continuava favorecendo ao ataque athleticano. O time de Alberto Valentim sentia o nervosismo brotando nos comandados de Renato Gaúcho.

O Flamengo chegou a ganhar um pênalti na metade da primeira etapa, uma salvação para o quanto vinha sendo produzido. No entanto, o árbitro voltou atrás na decisão após constatar que não havia nada de infração na disputa de bola dentro da área. A partida parava muito, tinha uma incidência elevada de faltas e não corria.

Quando corria, apenas uma equipe conseguia aproveitar. Em novo contra-ataque pegando a defensiva flamenguista desprevenida, Nikão recebeu na direita, arrematou e contou com enorme falha de Diego Alves para marcar o segundo do Furacão, já quase na saída para o intervalo.

Na volta para a segunda etapa, Renato Gaúcho sacou Diego por Michael, e a equipe melhorou consideravelmente. Do garoto, por sinal, quase veio o primeiro gol flamenguista, na melhor das chances até ali. Costurou quatro defensores e bateu forte contra Santos, que defendeu e levou a sorte de ver a bola bater no travessão.

Léo Pereira, Bruno Henrique, Andreas, Éverton Ribeiro, Gabigol. Apesar da pouca criatividade do Flamengo, cada um destes teve uma no mínimo uma chance clara nos primeiros 20 minutos do primeiro tempo. Michael, participativo, era fundamental para causar desequilíbrio no quase perfeito sistema defensivo do Athletico.

Renato via o relógio correr e tentava abrir mais o Fla. Kenedy e Vitinho entraram nos lugares de Arão e Éverton Ribeiro. Pelo outro lado, Valentim queria era que o Furacão segurasse as pontas. Mexeu duas vezes na defesa: saíram Marcinho e Pedro Henrique, entraram Khellven e Zé Ivaldo.

O primeiro deles, Khellven, levou três minutos em campo para aprontar. Após entrar aos 31′, deu um pisão desproporcional em Ramon e tomou, em princípio amarelo, corrigido depois pelo VAR em cartão vermelho. Com um a mais, o Fla passou a sonhar.

Mas o segundo deles impediu todo e qualquer sonho da Nação. Em mais um contra-ataque, pesadelo flamenguista na partida, Zé Ivaldo disparou pelo meio, recebeu da esquerda e, frente a frente com Diego Alves, tocou para definir, transformar o placar em goleada e tecer o sorriso nos rostos dos torcedores paranaenses.

Sob vaias e muitos gritos de protestos, com o técnico Renato Gaúcho de alvo principal, o Flamengo ainda ensaiou reagir, mas não havia tempo para que algo diferente acontecesse. Uma equipe ansiosa que, sob pressão, não foi páreo para o Athletico, organizado e estrategista.

Escalações:

Flamengo: Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís (Ramon); Willian Arão (Vitinho), Diego (Michael), Andreas e Éverton Ribeiro (Kenedy); Bruno Henrique e Gabriel. Técnico: Renato Gaúcho.

Athletico-PR: Santos; Pedro Henrique (Zé Ivaldo), Thiago Heleno e Nicolás Hernández; Marcinho (Khellven), Erick, Léo Cittadini e Abner Vinícius; Terans (Pedro Rocha), Nikão e Renato Kayzer (Christian). Técnico: Alberto Valentim.

Pós-jogo:

Dois anos após ser campeão do Brasil, em campanha que deixou o mesmo Flamengo para trás, o Athletico volta a decidir a principal competição nacional de mata-matas. Quem vem pela frente é o Atlético-MG, que bateu o Fortaleza nos dois jogos da outra semifinal. O Fla volta as forças à decisão da Libertadores, daqui a um mês, e ao Campeonato Brasileiro, onde ainda está vivo na disputa pelo título.

Não há tempo para lamentos – o Flamengo tem uma decisão pelo Brasileiro, no sábado, contra o líder Atlético-MG. Se vencer, a diferença se diminuirá para dez pontos, que poderão se reduzir para apenas quatro, caso o time carioca vença os jogos que tem a menos, ou seja, a disputa continua aberta.

O Athletico, que além da final da Copa do Brasil tem ainda outra final no horizonte, a da Copa Sul-Americana, na metade de novembro, se concentra, por ora, em melhorar no Brasileirão, em que não vence há quatro jogos. A oportunidade de recuperação é neste sábado, contra o Santos, na Arena da Baixada.

Continue Reading

Atlético-MG

Fortaleza x Atlético-MG: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Copa do Brasil

No jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021, Leão do Pici recebe o Galo na busca por qualquer empate para avançar na competição

Published

on

Com objetivos idênticos, Fortaleza e Atlético-MG se enfrentam na noite desta quarta-feira (27), às 21h30, na Arena Castelão

Fortaleza x Atlético-MG duelam na noite desta quarta-feira (27), às 21h30, no Estádio Governador Plácido Castelo (Arena Castelão), em Fortaleza (CE), pela partida de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021.

Nesse sentido, após perder para o Atlético-MG, por 4 a 0, fora de casa, o Leão do Pici recebe o Galo, dentro de casa, e precisa vencer pelo mesmo placar, ou 5 a 1, 6 a 2 para levar a decisão para os pênaltis.

Confira abaixo os prognósticos para a partida, com palpites de Fortaleza x Atlético-MG, estatísticas e informações sobre o confronto.

Palpites Fortaleza x Atlético-MG 27/10

Resultado FinalAtlético-MG
Ambos os Times MarcamSim
Marcadores de Gol – HulkA Qualquer Momento
Escanteios Mais de 10

Acompanhe o Jogo Fortaleza x Atlético-MG, Ao Vivo em Tempo Real aqui no InfoEsporte.

Prognósticos Fortaleza x Atlético-MG

Leia mais:

Antes de mais nada, em situações semelhantes no campeonato local, Fortaleza x Atlético-MG se enfrentam na noite desta quarta-feira (27). Assim, em solo cearense, as equipes medem forças, às 21h30, pela partida de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021.

Anteriormente, nas quartas de final, o Leão do Pici somou uma vitória e um empate frente ao São Paulo.

Por outro lado, o Galo conquistou duas vitórias diante do Fluminense.

Em suma, o vencedor deste duelo garante a classificação à última fase do torneio. Acima de tudo, a equipe classificada enfrenta Flamengo ou Athletico-PR na final.

Primeiramente, até esta rodada, o Tricolor do Pici, que entrou na terceira fase, em sete jogos disputados, venceu quatro, perdeu um e empatou dois.

Em contrapartida, o Alvinegro, que entrou também na terceira fase, em sete jogos disputados, venceu seis e perdeu um.

Por fim, no que diz respeito ao histórico de confrontos entre as equipes, o Fortaleza tem retrospecto idêntico tal qual o Atlético-MG.

Nesse sentido, de 14 duelos disputados, a equipe mandante venceu seis. Em contrapartida, a agremiação visitante somou seis vitórias. Ademais, dois jogos acabaram empatados.

Desfalques e retornos:

O Fortaleza vai ter, até então, o retorno de David (cumpriu suspensão na última partida).

Por outro lado, o Leão do Pici não vai contar com Yago Pikachu (suspenso pelo terceiro cartão amarelo); e Marcelo Benevenuto e Lucas Lima (não inscritos);

Do mesmo modo, o Atlético-MG vai ter, até então, praticamente a manutenção da equipe titular da última partida.

Em contrapartida, o Galo não vai ter à disposição Allan (suspenso pelo terceiro cartão amarelo); e Nathan Silva (atuou por outro clube nesta edição).

Prováveis escalações:

Fortaleza: Felipe Alves, Tinga, Titi, Jussa; Bruno Melo, Felipe, Éderson, Matheus Vargas, Crispim; Romarinho e Robson. Técnico: Juan Vojvoda.

Atlético-MG: Everson; Guga, Igor Rabello (Réver), Junior Alonso e Guilherme Arana; Tchê Tchê, Jair, Zaracho e Nacho; Hulk e Keno (Diego Costa). Técnico: Cuca.

  • Jogo: Fortaleza x Atlético-MG (Copa do Brasil 2021 – Semifinal)
  • Data e hora: Quarta-feira, 27 de outubro de 2021 –21h30 (Brasília)
  • Local: Estádio Governador Plácido Castelo (Arena Castelão), em Fortaleza (CE)
  • Transmissão: SporTV

Foto: Fortaleza Esporte Clube (@FortalezaEC) / Reprodução / Twitter

Continue Reading

Athletico

Flamengo x Athletico-PR: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Copa do Brasil

No jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021, Fla recebe o Furacão na busca por qualquer empate para avançar na competição

Published

on

Com objetivos idênticos, Flamengo e Athletico-PR se enfrentam na noite desta quarta-feira (27), às 21h30, no Estádio Maracanã

Flamengo x Athletico-PR duelam na noite desta quarta-feira (27), às 21h30, no Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã), no Rio de Janeiro (RJ), pela partida de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021.

Nesse sentido, após empatar com o Athletico-PR, por 2 a 2, fora de casa, o Rubro-Negro recebe o Furacão, dentro de casa.

Confira abaixo os prognósticos para a partida, com palpites de Flamengo x Athletico-PR, estatísticas e informações sobre o confronto.

Palpites Flamengo x Athletico-PR 27/10

Resultado FinalFlamengo
Ambos os Times MarcamSim
Marcadores de Gol – Bruno HenriqueA Qualquer Momento
Escanteios Mais de 10

Acompanhe o Jogo Flamengo x Athletico-PR, Ao Vivo em Tempo Real aqui no InfoEsporte.

Prognósticos Flamengo x Athletico-PR

Leia mais:

Antes de mais nada, em situações semelhantes no campeonato local, Flamengo x Athletico-PR se enfrentam na noite desta quarta-feira (27). Assim, em solo carioca, as equipes medem forças, às 21h30, pela partida de volta da semifinal da Copa do Brasil 2021.

Anteriormente, nas quartas de final, o Rubro-Negro somou duas vitórias frente ao Grêmio.

Por outro lado, o Furacão conquistou também dois triunfos diante do Santos.

Em suma, o vencedor deste duelo garante a classificação à última fase do torneio. Acima de tudo, a equipe classificada enfrenta Atlético-MG ou Fortaleza na final.

Primeiramente, até esta rodada, o Flamengo, que entrou na terceira fase, em sete jogos disputados, venceu cinco, empatou um e perdeu um.

Em contrapartida, o Athletico-PR, que entrou na terceira fase, em sete jogos disputados, venceu quatro e empatou três.

Por fim, no que diz respeito ao histórico de confrontos entre as equipes, o Fla tem vantagem diante do Rubro-Negro paranaense.

Nesse sentido, de 65 duelos disputados, a equipe mandante venceu 24. Em contrapartida, a agremiação visitante somou 26 vitórias. Ademais, 15 jogos acabaram empatados.

Desfalques e retornos:

O Flamengo vai ter, até então, a manutenção do time titular da última partida.

Por outro lado, o Rubro-Negro não vai contar com Arrascaeta e Pedro (presentes no departamento médico).

Do mesmo modo, o Athletico-PR vai contar, até então, com as voltas de Richard e Christian (cumpriram suspensão na última partida).

Em contrapartida, o Furacão não vai ter à disposição Bissoli (jogou por outro clube nesta edição); Richard, Nicolas, Lucas Halter e Matheus Babi (lesionados).

Prováveis escalações:

Flamengo: Diego Alves, Isla, David Luiz, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Willian Arão, Andreas Pereira, Everton Ribeiro, Vitinho; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa. Técnico: Renato Gaúcho.

Athletico-PR: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolás Hernández; Marcinho, Erick, Léo Cittadini e Abner; Terans, Nikão e Renato Kayzer. Técnico: Alberto Valentim.

  • Jogo: Flamengo x Athletico-PR (Copa do Brasil 2021 – Semifinal)
  • Data e hora: Quarta-feira, 27 de outubro de 2021 –21h30 (Brasília)
  • Local: Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã), no Rio de Janeiro (RJ)
  • Transmissão: SporTV e Globo

Foto: Estádio Maracanã (@maracana) / Reprodução / Twitter

Continue Reading

Últimas

Léo e Victor subem para profissional do ceará Léo e Victor subem para profissional do ceará
Ceará3 horas ago

Léo e Victor sobem de categoria e esperam contribuir para sucessos do Ceará em 2022

O Ceará terá duas importantes novidades vindo da base na temporada 2022. O treinador Tiago Nunes poderá contar com a...

douglas borel faz sua estreia definitiva na serie b com o bahia douglas borel faz sua estreia definitiva na serie b com o bahia
Bahia4 horas ago

Sem sequência no Bahia, Borel espera contribuir para acesso em 2023

Douglas Borel ainda não teve uma sequência no Bahia desde que conquistou o acesso ao elenco profissional. Promessa do Tricolor...

brusque contrata 13 reforcos e mira serie a brusque contrata 13 reforcos e mira serie a
Notícias4 horas ago

Quadricolor catarinense já trouxe 13 atletas e foco está na Série B

Para o seu segundo ano seguido na Série B, o Brusque teve a estratégia de reforçar o elenco ainda mais...

Com objetivos semelhantes, Vitória e Juazeirense se enfrentam na tarde deste domingo (16), às 16h, no Estádio Barradão Com objetivos semelhantes, Vitória e Juazeirense se enfrentam na tarde deste domingo (16), às 16h, no Estádio Barradão
Notícias1 dia ago

Vitória x Juazeirense: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo no Campeonato Baiano

Na estreia do Campeonato Baiano, Leão da Barra recebe o Cancão de Fogo, em Salvador (BA)

Com objetivos semelhantes, Bahia de Feira e Bahia se enfrentam na tarde deste sábado (15), às 16h, na Arena Cajueiro Com objetivos semelhantes, Bahia de Feira e Bahia se enfrentam na tarde deste sábado (15), às 16h, na Arena Cajueiro
Bahia2 dias ago

Bahia de Feira x Bahia: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo no Campeonato Baiano

Na estreia do Campeonato Baiano, Tremendão recebe o Esquadrão de Aço, em Feira de Santana (BA)

Com objetivos distintos, West Ham e Leeds United se enfrentam na manhã deste domingo (16), às 11h, no Estádio Olímpico de Londres Com objetivos distintos, West Ham e Leeds United se enfrentam na manhã deste domingo (16), às 11h, no Estádio Olímpico de Londres
Futebol Europeu2 dias ago

West Ham x Leeds United: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Premier League

Com 37 pontos, na 4ª posição, Hammers recebem os Whites (16°), com 19, pela 22ª rodada da Premier League 2021/2022

Com objetivos distintos, Juventus e Udinese se enfrentam na tarde deste sábado (15), às 16h45, no Allianz Stadium Com objetivos distintos, Juventus e Udinese se enfrentam na tarde deste sábado (15), às 16h45, no Allianz Stadium
Futebol Europeu3 dias ago

Juventus x Udinese: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Série A TIM

Com 34 pontos, na 5ª posição, Velha Senhora recebe os Bianconeri (14°), com 20, pela 22ª rodada da Série A...

Com objetivos divergentes, Milan e Spezia se enfrentam na tarde desta segunda-feira (17), às 14h30, no Estádio San Siro Com objetivos divergentes, Milan e Spezia se enfrentam na tarde desta segunda-feira (17), às 14h30, no Estádio San Siro
Futebol Europeu3 dias ago

Milan x Spezia: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Série A TIM

Com 48 pontos, na 2ª posição, Rossoneri recebe as Aquilotti (16°), com 19, pela 22ª rodada da Série A TIM...

Com objetivos similares, Atalanta e Internazionale se enfrentam na tarde deste domingo (16), às 16h45, no Estádio Atleti Azzurri d'Italia Com objetivos similares, Atalanta e Internazionale se enfrentam na tarde deste domingo (16), às 16h45, no Estádio Atleti Azzurri d'Italia
Futebol Europeu3 dias ago

Atalanta x Internazionale: Palpites, prognósticos e onde assistir o duelo na Série A TIM

Com 41 pontos, na 4ª posição, Dea recebe os Nerazzurri (1°), com 49, pela 22ª rodada da Série A TIM...

Buscas Jogos e Times

Pesquisa de Times ou Ligas
Generic filters

Futebol Hoje

Trending

P