Acertado com novo clube, Fabinho recarrega as energias e mata saudade dos filhos em Balneário Camboriú

| |

Ele nasceu em Recife, defendeu clubes como Cruzeiro e Vila Nova e marcou época em São Paulo, principalmente no Guarani. Mas Santa Catarina tem um lugar especial na vida de Fabinho, experiente meia-atacante. E não à toa.

Afinal de contas, foi campeão catarinense pelo Criciúma, conquistou o Brasileirão da Série B com as cores do Joinville e recentemente vem sendo destaque em equipes do interior do Estado. Em 2019, Fabinho foi campeão da Segundona pelo Almirante Barroso.

Já neste ano, ajudou e muito o Juventus a escrever uma bonita história no estadual: o time despachou o Figueirense nas quartas de final e só foi parado pelo Brusque, nas semis. E vem mais um capítulo por aí.

Fabinho está acertado com o Camboriú para a disputa da Segundona, que deve iniciar em novembro. O meia-atacante quer novamente o acesso. “Eu brinco dizendo que estou ficando cada vez mais catarinense. É um estado que me acolheu muito bem, conquistei coisas grandes aqui, é uma honra jogar aqui.

Hoje eu posso dizer que moro em Balneário Camboriú e foi um dos motivos para acertar com o Camboriú. Nosso foco é colocar novamente um time da cidade na primeira divisão. Esse é o objetivo com certeza absoluta. Claro que não vai ser fácil, mas vamos trabalhar muito para isso acontecer”, afirmou.

Enquanto a apresentação na nova casa não acontece, Fabinho aproveita para recarregar as baterias com os filhos na cidade. É o combustível necessário para alcançar mais um feito importante em Santa Catarina. “O grupo do Camboriú está sendo montado e não tem como esconder que o foco é subir, colocar o time na primeira divisão. Estamos ansiosos.

Estou aproveitando que os trabalhos ainda não começaram para curtir com os meus filhos. Em função da pandemia fiquei muito tempo longe deles. Estou aproveitando para recarregar as baterias e iniciar com tudo esse novo desafio no Camboriú”, finalizou Fabinho.

Anterior

Figueirense x Paraná – equipes estão há quase uma década “empatadas”

Lembra dele? Lateral Álvaro Pereira rescinde com clube paraguaio

Próximo

Deixe um comentário

P