Altos apresenta pacotão de reforços visando boa Série C

| |

Recém promovido pela primeira vez em sua história à terceira divisão do futebol brasileiro, o Altos se reforça para os novos desafios. Desde o acesso, a equipe piauiense já apresentou sete reforços para a temporada 2021.

Em fevereiro, chegaram ao Jacaré atletas “para todos os gostos” – de goleiro a atacante, de jovem a veterano. Confira um raio X de cada uma das contratações:

Mondragon: o goleiro de 38 anos, vindo do River-PI, era tratado como “sonho de consumo” pelo clube. O experiente arqueiro tem uma carreira tão longeva quanto o xará colombiano – o atleta mais velho a jogar uma Copa do Mundo. Pernambucano de Vitória de Santo Antão, Mondragon acumula passagens por diversas equipes do Nordeste brasileiro. No futebol piauiense, a experiência começou em 2012, atuando pelo Picos. Mais tarde, em 2019, passaria por Oeirense e River até chegar ao Jacaré.

Betão: o zagueiro de 29 anos vem do Juventude Samas-MA, tendo sido, a exemplo de Mondragon, adversário do Altos durante a fase de grupos da Série D 2020. O time maranhense fez boa campanha no certame nacional, sendo eliminado nas oitavas de final pelo Floresta. O atleta tem também passagens por clubes como Moto Club-MA e Treze-PB, onde teve a experiência de jogar a Série C.

Dudu Gago: o lateral-direito de 35 anos acumula múltiplas passagens por diversos clubes do Brasil, entre eles o próprio Altos, em 2019. No ano passado, rumou para o Atlético-BA e, após um período sem contrato, regressou à equipe piauiense.

Ronan: lateral-esquerdo de 26 anos, Ronan foi criado pelo Fluminense e rodou pela equipe B de equipes como Porto e Legia Varsóvia. Em 2020, jogou a Série D pelo Gama e ajudou a equipe a avançar à fase de mata-matas.

Alemão: o meia de 32 anos atuou junto com Betão no Juventude-MA em 2020, depois de terem vindo juntos da Patrocinense-MG. Natural de Itu, tem passagem notável pelo clube da cidade, o Ituano. Rodou também por muitos clubes no interior de São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Norte.

Roger Gaúcho: mais um super experiente. Com 34 anos, o meia é atual campeão da Copa Paulista, pela Portuguesa. Formado nas bases de Santos e Internacional, atuou por, além destas equipes, outras relevantes a nível nacional, como Náutico, Ceará e Ponte Preta.

Gláucio: Natural de Natal, o atacante de 27 anos passou pela base do Athletico-PR e teve os melhores momentos de sua carreira no estado de origem, no América-RN e Globo. Atuou no futebol da Armênia, Bulgária, e estava no Santa Lucia, de Malta.  

Portuguesa aposta na experiência para 2021

Além de todos estes atletas, o Altos está perto de anunciar o volante Jorginho, que chegou a fazer uma curta pré-temporada com o River, mas deve assinar com o rival local nos próximos dias. Caso concretizada a transferência, será a segunda passagem do meio-campista pelo clube.

O Altos terá também, além da Série C, a disputa do Campeonato Piauiense em 2021. Campeão em 2017 e 2018, o Jacaré tentará chegar ao menos entre os finalistas – condição que lhe garantirá vaga na Copa do Brasil 2022.

Anterior

Com Abel Braga, Inter conquistou as últimas vitórias sobre o Athletico na Arena

Botafogo x Sport – quais são os cenários necessários para cada um?

Próximo

Deixe um comentário

P