Com Abel Braga, Inter conquistou as últimas vitórias sobre o Athletico na Arena

| |

Nesta quinta-feira, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro olhares de todo o Brasil incidirão sobre a Arena da Baixada. Por lá, o líder Internacional tentará a décima vitória consecutiva para encaminhar a conquista que não vem há 40 anos.

Para isso, terá de superar o Athletico-PR, adversário forte em casa e que está em ascensão no campeonato, mantendo viva a possibilidade de chegar à terceira disputa consecutiva de Libertadores. Ademais, por lá as vitórias do Inter têm sido cada vez mais raras – apenas uma nos últimos 14 anos. De lá para cá, até em decisão o Furacão triunfou contra o Colorado.

Mas, se o otimismo colorado tem, desde os últimos jogos, se provado mais eficiente do que a desconfiança, há um alento até mesmo diante dos confrontos mais difíceis. Tanto a vitória solitária dos últimos 14 anos, em 2014, quanto a anterior, em 2006, foram sob o comando de Abel Braga, atual comandante do clube gaúcho.

Se o Inter já é dono da maior sequência de vitórias dos pontos corridos – alcançou quando venceu a nona seguida, na rodada anterior – o torcedor colorado pode acreditar na superação do “anfitrião complicado” para bater o recorde do Guarani de 1978, que venceu 11 seguidas e detém o recorde na história do Brasileiro.

Ataque poderoso volta e Flamengo reacredita em título

O objetivo principal, contudo, não deve ser outro senão o mantimento da liderança do Campeonato Brasileiro. O Colorado (65 pts) mantém distância de quatro pontos para o vice-líder Flamengo, que jogará no mesmo horário – 21h, Brasília – contra o rival Vasco, no Maracanã.

O Furacão, por sua vez, precisa vencer para manter sua posição no G-8, onde iniciou a rodada, mas acabou ultrapassado na quarta-feira por Corinthians e Bragantino, que venceram, e Santos, que empatou com o Grêmio em Porto Alegre.

Anterior

Além de Viña, Milan tem como alvo brasileiro do Porto

Altos apresenta pacotão de reforços visando boa Série C

Próximo

Deixe um comentário

P