Corinthians sofre por falta de elenco e volta a cair de rendimento no 2º tempo

| |

Vice-campeão Paulista, o Corinthians estreou no Campeonato Brasileiro na última quarta-feira e perdeu para o Atlético-MG por 3 a 2 no Mineirão, de virada.

O Alvinegro paulista chegou a abrir 2 a 0, mas permitiu a reação do Galo, que se aproveitou de uma questão que vem sendo constante no Corinthians após a volta do futebol: a queda no segundo tempo.

Leia mais:
Inoperante no ataque, Coritiba soma 12 finalizações e um gol nos últimos quatro jogos

Não é a primeira vez que o Timão faz um bom primeiro tempo e acaba cedendo na etapa complementar.

Na volta do futebol, no clássico contra o Palmeiras na Arena, o Timão abriu o placar no primeiro tempo e foi bem nos primeiros 45 minutos, mas caiu de rendimento no segundo tempo, viu o Verdão atacar e Cássio salvar o time de levar o empate por diversas vezes.

Na própria final do Paulistão contra o Palmeiras cenário se repetiu, com o time melhor nos primeiros 45 minutos.

Ontem, mais uma vez isso aconteceu. O Corinthians foi para o intervalo com 2 a 0 de vantagem e na metade do segundo tempo já havia sofrido a virada, sem forças para reagir, principalmente com as mudanças de jogadores dos dois times ao longo da partida, evidenciando as carências do elenco corintiano.

Anterior

Na expectativa por estreia na Champions, Renan Oliveira celebra retorno com vitória no Campeonato Lituano

TV Globo pede mudança de horário de jogo do Cruzeiro contra o Brasil de Pelotas

Próximo

Deixe um comentário

P