Cumprir tabela ou buscar sobrevivência? Como o Coritiba vai a campo contra o Santos

| |

Uma série de erros de planejamento resultaram na péssima campanha do Coritiba no Campeonato Brasileiro 2020. Com o acesso em 2019, após dois anos na segundona, a expectativa era de um reestabelecimento na elite. No entanto, o time vai mal e necessita de um milagre improvável para evitar a queda.

Neste sábado, o Coritiba irá à Vila Belmiro encarar o Santos, vice-campeão da Libertadores e que busca a nova classificação para o torneio continental. Confronto difícil que pode trazer consequências ainda mais duras à equipe.

Mesmo com uma partida a menos do que os demais – o jogo contra o Palmeiras, da 35ª rodada, foi adiado para a outra quarta-feira –, o Coxa dará adeus à Série A caso não pontue na Vila Famosa. Isso porque, caso perca o jogo, o Coxa só conseguirá ir até os 37 pontos, assim, ficando atrás do Bahia no número de triunfos (o Esquadrão tem 10 enquanto o Verdão Paranaense só chegaria a nove).

Desencantou: jogo de seis gols mostra Athletico mais aberto, porém mais artilheiro

A equipe dirigida por Gustavo Morínigo deverá, no mínimo, empatar para se manter viva na competição. Realmente, no mínimo: o Bahia, segundo principal responsável pelo destino coxa-branca, jogará no mesmo horário – contra o Atlético-MG, em Minas Gerais. Caso a combinação de resultados do sábado mantenha o Coxa vivo, a equipe observa o Vasco, no domingo, contra o Internacional. O Cruzmaltino tem os mesmos 37 pontos, e, a depender dos resultados combinados, pode derrubar a equipe paranaense.

Fato é que o Coritiba terá que conquistar aquilo que foi tão sacrificante de se conseguir ao longo da competição: vitórias. Mesmo que a dependência dos resultados alheios torne a missão da equipe quase impossível, o Coxa tem a consciência de que deverá fazer sua parte e lutar até o fim.

Se os erros do passado são irreversíveis e talvez não haja tempo de reagir, há jeitos de, ao menos, retardar a queda e terminar a temporada de forma mais honrosa. Afinal, quanto menos trágico for o desfecho da temporada na elite, melhores podem ser as projeções para um retorno na temporada 2021.

Anterior

Desencantou: jogo de seis gols mostra Athletico mais aberto, porém mais artilheiro

E agora? Saiba os cenários para Vasco, Bahia e Goiás se livrarem da degola

Próximo

Deixe um comentário

P