Eliminatórias Europeias: quais são as melhores seleções até agora?

| |

As Seleções Europeias sabem que ter um bom início nas eliminatórias é crucial para avivar o sonho da classificação para o Mundial 2022.

No sistema de apenas 10 rodadas, vencer as primeiras partidas é um credenciador automático para o status de favorita à almejada primeira colocação, ou pelo menos uma vaga na repescagem.

Vejamos quais foram as seleções que melhor iniciaram seus caminhos para chegar ao Catar:

Dinamarca

A Seleção Dinamarquesa lidera isolada o Grupo F e tem a melhor campanha geral até aqui. Isto se deve à goleada por 8 a 0 aplicada sobre a Moldávia, no último domingo, relembrando os grandes dias da “Dinamáquina”. Na estreia, os nórdicos superaram Israel.

Inglaterra

Uma das que ostentam o status de favorita para o Mundial, a Inglaterra não despendeu grandes esforços para superar San Marino e Albânia. Duas vitórias, sete gols de saldo e liderança isolada do Grupo I.

Turquia

Os turcos lideram o Grupo G junto a Montenegro. A grande campanha até aqui trouxe vitórias expressivas sobre Holanda, no dia em que se completaram cinco anos da morte de Johan Cruyff, e Noruega. Duas vitórias e sete gols, ótimo trabalho da Turquia até aqui.

Montenegro

Seguindo os turcos, os montenegrinos também largaram vencendo duas vezes no Grupo G. Os adversários, contudo, foram os modestos Letônia e Gibraltar.

Eliminatórias: Bélgica x Belarus ao vivo no Estádio TNT

Alemanha

A Tetracampeã e aplicadora dos 7 a 1 mais famosos do mundo está tranquila no Grupo J. Sem brilhos, fez o bê-á-bá contra Islândia e Romênia. A liderança, por enquanto, é dividida com a Armênia, que está atrás pelo saldo.

Itália

Ausente na última Copa, a Azurra começou a nova campanha também com tranquilidade. Líderes do Grupo C, os italianos venceram a Irlanda do Norte e, na última rodada a Bulgária, relembrando o grande duelo de semifinal de Copa há 27 anos.

Suécia

Em bom momento e postulante a alcançar a 13ª vaga em Mundiais, a seleção sueca fez o dever de casa contra a Geórgia e varreu Kosovo com tranquilidade. Assim, o Grupo B, que conta com a Espanha, tem liderança escandinava. A Fúria começou mais tímida, empatando uma e vencendo a outra no sacrifício.

Rússia

De volta às eliminatórias após sediarem 2018, os russos são outros a terem bom começo de campanha. No Grupo H, um dos mais equilibrados, a equipe venceu a frágil Malta e a boa Eslovênia. A chave conta ainda com a atual vice-campeã mundial Croácia, que tem uma derrota para os próprios eslovenos.

Suíça

Colados na Itália, os suíços só não empatam na liderança do Grupo C porque sofreram um gol da Bulgária na vitória por 3 a 1, na estreia. Na segunda rodada, tímido 1 a 0 sobre a Lituânia, fazendo com que as duas primeiras colocações da chave estejam praticamente definidas.

Armênia

No Grupo J, o mesmo da Alemanha, os armênios também começaram 100%. Liechtenstein e Islândia foram as vítimas da Armênia, que aparece como postulante à classificação na repescagem. Olho neles!

Siga resultados e próximas partidas das Eliminatórias Europeias:

Anterior

Wesley e Paulo Victor do Atlético-MG Sub20 devem reforçar Brasil de Pelotas

Simão celebra retorno ao Operário e confia em primeira vitória no Paranaense

Próximo

Deixe um comentário

P