Em temporada tranquila, Operário recebe CRB e pode ainda se aproximar do G4

| |

O principal objetivo do Operário na temporada foi alcançado – fazer uma temporada sem sustos e se manter por mais um ano na Série B do Campeonato Brasileiro.

O Fantasma flutuou, ao longo do campeonato, pela parte intermediária da tabela. Ora flertou com o G4, outras vezes se viu alertado contra a ameaça da parte baixa. E agora, nas últimas rodadas, o desfecho permite-se ser muito otimista.

No primeiro turno, uma goleada de 4 a 1 para o CRB fez o então treinador Gérson Gusmão balançar no cargo, até ser demitido na rodada posterior, na derrota para o Cruzeiro. Àquela altura, o Operário oscilava e sentia o perigo iminente do Z4. Então, abriu-se caminho para a chegada de Matheus Costa.

Sob comando do treinador de 33 anos, após um período de readaptação, a equipe paranaense conseguiu engatar uma bela sequência que não apenas pôde selar a permanência pelo terceiro ano consecutivo na Série B, mas permitiu sonhar além. Um novo jogo, contra o mesmo CRB, tem agora um outro significado: caso vença, nesta quinta-feira, no Germano Krüger, o Fantasma dorme a um ponto do G4.

Com 48 pontos, o Operário está na 9ª colocação, mas divide pontuação com outras três equipes: Avaí, Guarani e Ponte Preta. Uma vitória contra a equipe alagoana poderá significar um salto de três posições, mesmo que permanentemente, pois, mais tarde, o Guarani entra em campo, fora de casa, contra o Cuiabá.

Calculadora na mão: a conta que cada equipe faz para conquistar o acesso

O adversário desta noite, em Ponta Grossa, ajudou o Fantasma na rodada passada, ao bater o próprio Guarani, por 2 a 0, no Rei Pelé. O CRB é outro que, após passar alguns apuros, emplacou uma boa sequência e praticamente garantiu a permanência na Série B para a temporada 2021.

Anterior

Ex-Grêmio, Klauss é emprestado pelo Hoffenheim ao futebol belga

Para se manter na Série A, Botafogo terá de quebrar escrita de 11 anos

Próximo

Deixe um comentário

P