Furacão quer primeira colocação, Verdão pode garantir classificação; quarta-feira agitada pela Libertadores

À parte do clássico Gre-Nal, por si só espetacular, Athletico e Palmeiras entram em campo nesta quarta-feira, cada qual com sua preocupação na Libertadores 2020.

Logo às 19h15, na Arena da Baixada, Athletico e Colo-Colo abrem a rodada do Grupo C. As duas equipes empatam na liderança, ambos com 6 pontos, contra 3 de Jorge Wilstermann (BOL) e Peñarol (URU), que duelam quinta-feira na Bolívia.

Disposto a dar o troco nos chilenos, o Furacão, caso vença em Curitiba, dorme isolado na ponta de sua chave. Fazendo sua parte, torcerá para o resultado em Cochabamba ajudar: um empate entre Wilstermann e Peñarol é perfeito, pois trava bolivianos e uruguaios nos 4 pontos – eventuais cinco a menos do que o time paranaense, que ficaria a um empurrão das oitavas.

Para amanhã, o Athletico não se preocupa apenas com a vitória, mas com o saldo de gols, critério de desempate que faz a diferença na chave:

Em um grupo rigorosamente equilibrado no quesito, o Rubro-negro tem a oportunidade de abrir uma vantagem interessante para o Colo-Colo, seu provável adversário na luta pela 1ª colocação.

Em Gre-Nal “mais importante desde 88”, rivais agitam Grupo E da Libertadores

Em sequência, às 21h30, é a vez do Palmeiras entrar em campo. No lendário Defensores del Chaco, em Assunção, capital paraguaia, o Verdão encara o Guaraní. Um empate garante virtualmente o time de ‘Luxa’ nas oitavas. A vitória consolida matematicamente.

Ainda na terça-feira, Tigre (ARG) e Bolívar (BOL), os outros times do grupo, entraram em campo e contribuíram com a vida alviverde. O empate por 1 a 1 praticamente desclassifica os argentinos e deixa os bolivianos a cinco pontos do Palmeiras:

Ou seja, com um pé e quatro dedos nas oitavas, o Verdão pensa em garantir o 1º lugar da chave e, a exemplo dos últimos anos, fazer campanha de destaque na fase de grupos, figurando entre os melhores primeiros colocados.

Uma vitória no Paraguai distancia o Palmeiras do bom time do Guaraní, favorito a avançar com o segundo lugar.

Murilo Demarch
Desde 2015, redator, revisor e editor em websites, responsável por criação de conteúdo e exploração de bases de conteúdos de sites nacionais e internacionais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas

Grupo H: Caracas-VEN se complica e tentará milagre para avançar

Os clubes venezuelanos têm raros momentos de brilho na Libertadores – desde 2016 não avançam para os...

Em jogo alucinante de duas viradas, Guaraní bate Bolívar e passa junto com Palmeiras no Grupo B

Já classificado, mas sonhando com a improvável primeira colocação do Grupo B, chave do Palmeiras, o Guaraní...

Goleado pelo Verdão, Tigre-ARG termina como pior da fase de grupos da Libertadores

Campeão da primeira edição da Copa da Superliga Argentina, competição que começou na última temporada, o Tigre...

Série D: América-RN vence a quinta seguida e lidera isolado o Grupo A3

Com participações recentes nas séries A e B do futebol brasileiro, mas na Série D há quatro...

Copa Sul-Americana 2020 tem os maiores campeões da Libertadores de Brasil, Argentina e Uruguai

Segundo principal torneio internacional da América do Sul, a Copa Sul-Americana ainda está em sua fase inicial...

Nacional e Racing querem primeira colocação no Grupo F da Libertadores

Racing-ARG e Nacional-URU não deram a menor chance para os adversários do Grupo F na Libertadores, Estudiantes-VEN...

Última Hora

Leia MaisRelacionado
Recomendamos