Connect with us

Futebol do Interior

Philip acredita em classificação do Manaus na Série C: “Serão duas finais!

Published

on

Atacante do Gavião do Norte projeta partida complicada diante do Remo, mas crê em elenco fortalecido após último triunfo.

O Manaus conquistou no último sábado sua primeira vitória fora de casa na Série C do Brasileiro, após derrotar por 2 a 1 o Santa Cruz, líder do Grupo A e dono da melhor campanha da competição. Com o triunfo, o Gavião do Norte chegou aos 23 pontos e se mantém vivo na briga por uma vaga na próxima fase.

Para o atacante Philip, o resultado positivo diante de um adversário tão qualificado mostra a força do elenco esmeraldino, além de ser importante para elevar ainda mais a confiança da equipe para as próximas partidas decisivas.

“A gente sabia que uma hora essa vitória fora de casa chegaria, e não poderia ter sido em melhor momento. Um resultado desses com certeza eleva nossa moral para a reta final da competição, até porque mesmo com alguns desfalques e substituições ao longo do jogo, quem entrou correspondeu a altura. Todos entramos em campo sabendo que não poderíamos voltar sem os três pontos, e graças Deus fomos recompensados pela nossa entrega tática e física. O time todo está de parabéns”, comemora Philip.

Restando apenas duas rodadas para o fim da primeira fase, o Manaus, mesmo em quinto lugar na chave, depende apenas de si para entrar no G4 e garantir uma vaga no quadrangular final. Para isso, precisa vencer os dois jogos restantes, contra o vice-líder Remo, em casa, e diante do rebaixado Imperatriz, fora. Mesmo cauteloso ao falar dos confrontos, Philip acredita que o time está pronto para buscar a classificação.

“Serão duas finais para a gente. Vai ser com esse pensamento que vamos encarar essas últimas partidas. Porém, precisamos pensar em um jogo de cada vez. Sabemos das dificuldades e da qualidade do nosso próximo adversário, que briga diretamente com a gente pela vaga, mas estamos confiantes e preparados para buscar essa classificação. Temos que entrar ligados durante os 90 minutos, bem concentrados, pois será um jogo que pode ser decidido no detalhe“, afirma o atacante.

O próximo desafio da equipe amazonense será no sábado, dia 28, contra o Remo, às 19h, na Arena da Amazônia. E no dia 5 de dezembro encara o Imperatriz, às 17h, no Frei Epifânio, pela última rodada da primeira fase da Série C.

Copa do Brasil

VAR orienta lances capitais em confrontos das oitavas da Copa BR

Presente nas oitavas de final da Copa do Brasil 2021, o VAR modificou o cenário de partidas que contou com equipes nordestinas em campo

Published

on

VAR age, de forma demorada, mas incisivamente para capturar soluções em lances de Fortaleza x CRB, Vitória x Grêmio e Santos x Juazeirense

A fase das oitavas de final da Copa do Brasil 2021 teve início na última terça-feira (27). Criciúma x Fluminense, no Estádio Heriberto Hulse, abriram as partidas de ida do torneio. Já o desfecho desses jogos iniciais aconteceu na noite desta quinta-feira (29), com Flamengo x ABC, no Estádio Maracanã. Mas, com diversos duelos interessantes, um outro fator chamou atenção: o uso do VAR.

Como de costume, apesar de atuar pela primeira vez no torneio, o árbitro de vídeo agiu de forma marcante no futebol brasileiro. Aplicações do VAR puderam ser identificadas em confrontos como Vitória x Grêmio, Santos x Juazeirense e Fortaleza x CRB, um em cada dia desta semana. Enquanto o Leão recebeu o Imortal na terça, o Cancão de Fogo visitou o Peixe na quarta, e o Tricolor do Pici encarou o Galo de Alagoas nesta quinta.

Fortaleza x CRB: VAR providencial

Presente pela primeira vez na história em um jogo do CRB, o árbitro de vídeo atuou efetivamente no resultado do jogo de ida contra o Fortaleza, na Arena Castelão. Primeiramente, após ser convocado pelo VAR, o árbitro Paulo Roberto Alves Júnior (PR) analisou o lance no monitor e mandou o jogo seguir após David cobrar um toque de Reginaldo dentro da pequena área.

Em seguida, próximo do fim da etapa inicial, novamente o árbitro de vídeo entrou em ação. Nicolas Careca balançou as redes depois de receber lançamento. O assistente Rafael Trombeta (PR) levantou a bandeira, no entanto, o árbitro aguardou a avaliação do lance. Notificado pelo VAR, ele confirmou o gol do Galo.

No segundo tempo, o árbitro de vídeo auxiliou ainda a marcar a penalidade que decretou a vitória do Fortaleza. Pikachu finalizou na pequena área contra a meta regatiana e a bola tocou no braço de Wesley. Assim ,de imediato, o VAR chamou o árbitro da partida para conferir o lance. Paulo Roberto confirmou a penalidade e mostrou cartão amarelo ao volante regatiano. Wellington Paulista converteu o segundo dele no jogo.

Essa foi uma amostra do que o CRB vai encarar no Brasileiro. A CBF confirmou que vai utilizar o árbitro de vídeo no returno da Série B.

Santos x Juazeirense: VAR confere e valida

No quarto jogo em atuação, o árbitro de vídeo mostrou versatilidade em assumir funções distintas, mas semelhantes no resultado. A primeira intervenção do VAR aconteceu na inauguração do marcador pelo Santos. Na cabeçada de Madson, após lançamento de Jean Mota, o serviço tecnológico precisou ser acionado. Dessa forma, garantiu o gol do Peixe, pois evidenciou que o lateral-direito não estava em posição de impedimento.

Outro lance providencial aconteceu no último gol. Marcos Leonardo anotou o dele na partida depois de receber passe de Luiz Felipe, porém, por muito pouco, não teve seu gol anulado por impedimento. Atuante, o árbitro de vídeo entrou em ação e validou o tento.

Vitória x Grêmio: árbitro de vídeo demora e não gera resposta

Mediante a recém-estreia na Copa do brasil 2021, o VAR foi motivo de desconfiança na partida entre Vitória x Grêmio, que aconteceu na última terça-feira, no Estádio Manoel Barradas (Barradão). Isso porque, devido a demora de nove minutos para a confirmação do primeiro gol da partida, saiu de campo como destaque negativo, além do comportamento do time mandante.

A demora resultou em uma conclusão apenas da arbitragem dentro de campo, que acabou validando o lance. já que a cabine não alcançou uma conclusão. Do mesmo modo, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) evitou divulgar as imagens da avaliação do árbitro eletrônico referente a uma possível irregularidade. A averiguação do lance aconteceu em função de Ricardinho – autor do gol -, ter sido alvo de um possível impedimento milimétrico.

Continue Reading

Futebol do Interior

Juventude tem no Alfredo Jaconi a principal força para sobreviver à Série A

Published

on

De volta à elite após 14 anos, o Juventude vem lutando com todo o vigor possível para se manter na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Após passar até pela Série D, Papo quer recolocar a cidade de Caxias do Sul no mapa do futebol nacional. E, para isso, conta muito com as forças que encontra dentro da própria casa.

Durante os anos áureos do Ju, nas décadas de 1990 e 2000, não havia quem não mencionasse as dificuldades em vencer dentro do Alfredo Jaconi. Hoje, em 2021, o time alviverde quer mostrar que este detalhe permanece inalterado. Com a vitória sobre a Chapecoense, nesta segunda-feira, a equipe somou o quarto triunfo no Brasileiro, o quarto dentro de casa. O time gaúcho terminou a 13ª rodada na 13ª posição, com 16 pontos.

Após um começo difícil e pouco à vontade em casa, com derrotas por 3 a 0 para Athletico-PR e Palmeiras, o “Jaconero” deslanchou: 13 pontos ganhos dos últimos 15 disputados em seus domínios, e um desempenho interno de respeito: o oitavo melhor do campeonato, atrás justamente de seis das sete primeiras equipes na tabela do Brasileirão – na ordem: Fortaleza, Palmeiras, Flamengo, Santos, Athletico-PR, Atlético-MG e Ceará.

As vitórias contra Flamengo, Grêmio, Sport e Chapecoense, além do empate arrancado no último lance contra o Atlético-GO, mostram uma equipe competitiva em casa, pronta para tanto arrancar pontos das equipes com aspirações altas no campeonato, como derrubar adversários diretos na briga contra a degola.

Um destaque artilheiro…

Se o Juventude como um todo se sente bem quando joga no Jaconi, um artilheiro pode dizer que está ainda mais em casa: Matheus Peixoto foi às redes nas últimas cinco exibições na Serra Gaúcha, o que o impulsionou para a artilharia geral do Brasileirão, com sete gols até o momento.

E o goleador é também decisivo: quando ele marcou, o Ju arrancou pontos. Não tivesse marcado, o Juventude perderia um total de oito pontos e teria apenas uma vitória na competição, sobre o Grêmio. Com cinco pontos, encararia a dura vice-lanterna.

Outro lado da moeda…

Um desempenho bom em casa é realmente animador para o Ju, mas o péssimo rendimento longe da Serra Gaúcha, em contrapartida, é impeditivo de uma campanha melhor. Como visitante, o Juventude tem a penúltima pior campanha, com apenas três pontos ganhos entre 18 disputados, melhor apenas do que a do Santos, que conquistou dois fora da Vila Belmiro.

O desempenho como visitante começou até interessante, com três empates – Cuiabá, Santos e América-MG –, mas logo caiu, com as derrotas para Ceará, Bahia e Inter.

Continue Reading

Futebol do Interior

Ressurgimento? Portuguesa valoriza regresso ao Brasileiro e faz boa campanha na Série D

Published

on

De volta ao Campeonato Brasileiro após três temporadas sem divisão, a Portuguesa está disposta a um recomeço em sua vida no futebol brasileiro. Ao menos isso é o que mostra a boa campanha atual na Série D. A bela vitória conquistada neste sábado, no Canindé, sobre o Boavista-RJ, colocou a Lusa na segunda colocação do Grupo 7.

Assim, passadas sete das 14 rodadas, a equipe paulista vira o turno na vice-liderança e com quatro pontos de vantagem para o 5º colocado, o Bangu, adversário para quem a Lusa teve sua única derrota até aqui, na sexta rodada.

Ademais, são três vitórias e três empates na competição. A principal arma é o Canindé, justamente onde venceu suas partidas, contra Santo André, São Bento e, por último, goleou o Boavista por 3 a 0.

A Lusa foi devolvida ao Campeonato Brasileiro após ser campeã da Copa Paulista, na temporada 2020. Em 2021, uma campanha interessante na A-2 do Campeonato Paulista, abrindo os caminhos de uma temporada que pode ser muito positiva para o clube.

Relembre a trajetória…

Envolvida no escândalo do Campeonato Brasileiro de 2013, quando foi punida com a perda de três pontos e levada ao rebaixamento, a Portuguesa caiu da primeira para a quarta divisão em quatro anos. O descenso meteórico só teve freio quando a equipe já estava sem divisão no cenário nacional e rebaixada para a segunda divisão do estadual.

Há seis anos jogando a divisão de acesso do Paulistão, a Portuguesa ficou de fora de outros três edições do Campeonato Brasileiro, e viu na Copa Paulista a oportunidade para voltar a se colocar no futebol nacional. Oportunidade de ouro de ressurreição, temporada de 2021 na Série D é tratada com muito esmero pela Lusa até aqui.

Uma caminhada longa…

A Série D trouxe, a partir da temporada 2020-21, um novo regulamento: as 64 equipes passaram a se dividir em oito grupos de oito equipes, das quais se classificam as quatro primeiras. No Grupo 7, por exemplo, Madureira, Portuguesa, Santo André e Boavista estão avançando para a segunda etapa da competição.

Nos mata-matas, as equipes precisam superar três fases até alcançarem as semifinais, quando asseguram o acesso à Série C por se qualificarem entre as quatro melhores da competição.

Continue Reading

Jogos

Trending

P