Submerso em ‘maratona’, São Caetano inicia caminhada na Série D

O São Caetano terá dias de empenho pela frente. Após conquistar, nos pênaltis, a vaga para a semifinal do Paulistão Série A2, volta a atenção para o Brasileiro Série D neste sábado, em que recebe o Caxias-RS.

No cenário estadual, o Azulão está a dois jogos de retornar à primeira divisão. Nas próximas duas quartas-feiras, decidirá em dois jogos contra o tradicional XV de Piracicaba a vaga na elite. Conseguindo a passagem, poderá coroar a campanha com título – ou no ‘duelo do ABC’ contra o São Bernardo, ou contra o São Bento.

Porém, a caminhada no certame estadual não poderá, de forma alguma, desvirtuar o objetivo caetanista no cenário nacional. Nessa Série D, pela mudança de regulamento e, sobretudo, às grandes complicações enfrentadas pelos clubes em um panorama difícil, o equilíbrio tende a ser ainda maior.

Atacante do Guarany-CE destaca importância de vencer na estreia da Série D do Brasileiro

Desde 2012 sem jogar a Série C, o Azulão inicia os trabalhos no fim de tarde desse sábado, no Anacleto Campanella, contra o vice-campeão gaúcho. Sabendo que cada um dos 14 jogos será decisivo, o time quer estrear com a vitória, mesmo tomando conhecimento da dificuldade que o adversário representa.

Em um dos grupos mais difíceis da competição, o São Caetano tem como companheiros, além do Caxias, o Novorizontino-SP, os gaúchos São Luiz e Pelotas, e os catarinenses Joinville, Tubarão e Marcílio Dias.

Maratona intensa: a princípio, o time do ABC terá jogos a cada três dias, conciliando Paulista e Brasileiro, até o dia 6/10. Caso avance à final da A2, a tendência é que a sequência prolongue.

Murilo Demarch
Desde 2015, redator, revisor e editor em websites, responsável por criação de conteúdo e exploração de bases de conteúdos de sites nacionais e internacionais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas

Bom pra ninguém: Chape e CSA ficam no empate em partida isolada

Chapecoense e CSA não saíram do zero na noite desta terça-feira, na Arena Condá, em Chapecó-SC.

Ex-São Paulo e Santos, Bruno Uvini rescinde com clube árabe e fica sem contrato

Nesta segunda-feira, o Al-Ittihad-ARA, clube dirigido por Fábio Carille e dos brasileiros Marcelo Grohe, Bruno Henrique (ex-Palmeiras)...

Buscando frear queda brusca, Paraná recebe lanterna Oeste

A sequência recente do Paraná de sete jogos sem vencer na Série B (cinco empates – Brasil-RS,...

Palmeiras só enfrentou dois times do Equador na Libertadores neste milênio

O Palmeiras conheceu o Delfin-EQU como adversário das oitavas de finais da Copa Libertadores. E apesar de...

Grupo H: Caracas-VEN se complica e tentará milagre para avançar

Os clubes venezuelanos têm raros momentos de brilho na Libertadores – desde 2016 não avançam para os...

Em jogo alucinante de duas viradas, Guaraní bate Bolívar e passa junto com Palmeiras no Grupo B

Já classificado, mas sonhando com a improvável primeira colocação do Grupo B, chave do Palmeiras, o Guaraní...

Última Hora

Leia MaisRelacionado
Recomendamos